Publicado por: TDM | 2 de julho de 2011

Do que ainda recordo

64%, é muito baixo. Você tem que descer.”

por TDM

Foi esta a frase que encerrou minha ascensão ao teto das Américas, o Cerro Aconcágua, com 6.962 metros de altitude. Este percentual de oxigênio no sangue estava muito abaixo dos 80% mínimos para uma boa aclimatação às condições da montanha. Isto explicava também as fortíssimas dores-de-cabeça que eu vinha sentido nos últimos quatro dias, em altitude superior a 5.500 metros.

Não foi o frio, o vento ou a neve, mas uma inabilidade biológica individual, de me adptar a altitude, que me fazia regressar. Poderia ser diferente, quem sabe??? Depois de duas semanas na montanha não via possibilidades de melhor aclimatação, então regressei.

 Desistir e voltar são decisões difíceis.

Assim como também é difícil explicar a razão de se subir uma montanha. Existe uma? O troféu imaginário no topo? Um troféu que não se leva a lugar algum, tão pouco se exibe na estante de casa. Havia desistido do meu. Mas imediatamente outro pensamento me veio: todo o caminho percorrido. Não seria este o maior troféu? Quando retornei ao acampamento base, fiquei a observar todos aqueles outros montanhistas, na incansável busca pelo troféu imaginário.

Fiquei feliz. Mesmo não tendo o meu troféu, estive lá. Cada passo foi minha conquista e a certeza de que foram meus…, apenas meus .

O Aconcágua sempre esteve, e estará lá, mesmo sem nós.

Veja algumas fotos:

IMG_0124

Aconcágua, visto do acampamento base. TDM, 2011.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_0077

Plaza de Mulas, acampamento base do Aconcágua, após nevasca. TDM, 2011.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_0130

A caminho para Nido de Condores. TDM, 2011.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_0139

Nido de Condores. TDM, 2011.

Anúncios

Responses

  1. Beleza, Tiago, legal você ter voltado a postar. Estou mostrando suas fotos para a minha mãe e meu sobrinho.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: