Publicado por: TDM | 25 de dezembro de 2008

A Serra de Itaiacoca

No inverno de 1999 eu, o Sandro Ribeiro e o Gláucio Carneiro fizemos a primeira excursão de reconhecimento da Serra de Itaiacoca. Estávamos verificando a possibilidade de um novo setor de escalada na região. Naquela ocasião alcançamos o extremo Noroeste do Serra, mas não realizamos nenhuma escalada. A Serra de Itaiacoca é formada por quatro montanhas de topo plano, como mesetas; com altitudes superando 1.100 metros. O limite sul da Serra é a Escarpa Devoniana, e norte é a Meseta Norte (assim identificado aqui por não haver nome oficial nos mapas).

Em uma segunda excursão com uma equipe maior de escaladores foram conquistadas algumas vias na meseta norte, no mesmo ponto onde anteriormente havíamos chegado. Posteriormente parte desta segunda equipe acampou por alguns dias na mesma área objetivando novas conquistas. Esta equipe avistou próximo do acampamento um abrigo de pedra com pinturas rupestres, mas não houve nenhuma documentação do encontrado.

A Meseta Norte teve seu topo alcançado pela segunda equipe de escaladores que visitou a área. Entretanto desconheço se a Meseta do Meio (entre a Norte e a Escarpa) tenha sido visitada ou se alguma equipe porventura atravessou a Serra.

Em 2005 retornei ao local com dois colegas escaladores e fizemos um breve reconhecimento da base da Escarpa Devoniana na porção sul da área. Nesta visita pude verificar que a região central mostra-se coberta por densa floresta nativa.

Da última vez que conversei com seu Juquinha, em sua casa no Cerradinho, ele me contou sobre uma de suas aventuras; acompanhado por um outro mateiro local, avistaram uma gruta na Serra onde supostamente um tesouro dos jesuítas estaria guardado. Quando seu amigo adentrava na gruta as paredes passaram a se fechar e ele por pouco não fica preso lá dentro.

Com certeza este é um lugar impressionante, onde lendas e natureza se confundem num dos últimos refúgios selvagens da região.

Espero, ainda no próximo ano, realizar uma travessia da Serra, visitar a Meseta do Meio e documentar as pinturas rupestres. E quiçá encontrar o ouro dos jesuítas.

Campos-047

A Serra de Itaiacoca – Meseta do Meio e Norte. TDM, 2005

Anúncios

Responses

  1. Eh!!!Itaiacoca, lugar de tirar o chapéu! De agradecer de joelhos por tantas maravilhas…Só quem foi e pode comprovar sabe do estamos falando.Beijos e saudades…

  2. Eita, lindas palavras, lá é tudo isso mesmo Tiago, um cantinho muito especial…tá faltando você lá mesmo
    Beijos
    O pai e a mãe tem saudades, esperam por sua visita lá no cantinho abençoado.
    Tchau
    Até Breve!!!

  3. Quando for me avisa!!!!!!

  4. O meu professor vai fazer um passeio turístico por Ponta Grossa.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: